Revista PIB

Faça da Revista PIB a sua home page Terça, 12 de Dezembro de 2017

 

27/08/2012

Visita a portos africanos evidencia importância estratégica do Atlântico Sul

O navio patrulha Amazonas saiu de Plymouth, na Inglaterra, no dia 8 de agosto, ancorou quinta-feira passada no porto de Mindelono, em Cabo Verde e chega ao Rio de Janeiro em outubro, depois de visitar outros três portos africanos

Amazonas integrará a frota oficial da Marinha Brasileira

O Amazonas é o primeiro dos três navios de duas mil toneladas comprados pela Marinha do Brasil da multinacional BAE Systems em dezembro do ano passado. A visita a portos africanos atende a interesses estratégicos do Brasil no Atlântico Sul. Segundo o ministro da Defesa, Celso Amorim, a orla atlântica da África é espaço prioritário de cooperação. A parceria na região envolve tanto projetos ligados ao desenvolvimento, como o levantamento de plataformas continentais, quanto atividades de repressão da criminalidade e da pirataria em áreas relativamente próximas de águas jurisdicionais brasileiras.

Na avaliação de Celso Amorim, uma maior aproximação do Brasil permitirá a intensificação da cooperação bilateral com os países daquele continente, em especial na África Ocidental, aumentando o potencial de ganhos conjuntos com os países vizinhos do Atlântico. Na área de segurança, segundo informações da assessoria de imprensa do Ministério da Defesa, a área é importante em virtude do “interesse brasileiro em tornar o Atlântico Sul livre de armas nucleares e de rivalidades militares. O uso pacífico do oceano, associado à ampliação estratégica do tráfego marítimo, poderão fazer da cooperação entre o Brasil e seus parceiros africanos uma ferramenta para garantir que o Atlântico Sul siga como uma via segura de comércio.”

O Amazonas chega ao Rio de Janeiro na primeira semana de outubro – quando entra em operação -  depois de visitar os portos de Cotonou, em Benim; Lagos, na Nigéria e de São Tomé, em São Tomé e Príncipe, país insular localizado a cerca de 300 km da costa Ocidental da África. As outras duas embarcações– os navios-patrulha “Apa” e “Araguari”, também batizadas com nomes de rios brasileiros – chegam ao Brasil até o final de 2013.

Fonte/Crédito fotos: Ascom- Ministério da Defesa



28/06/2016 -   FIESP destaca a importância da logística para a retomada do crescimento
02/05/2016 -   Movimat divulga detalhes da feira de setembro
03/10/2015 -   O caminho da diferença
03/10/2015 -   Restaurantes, galerias, praias e parques de Miami
03/10/2015 -   A Ásia são muitas
03/10/2015 -   De olho no mundo
03/10/2015 -   Voando sobre o mundo
03/10/2015 -   O mundo é Azul
01/10/2015 -   Um Calatrava no Rio
29/09/2015 -   Hungry and with a big appetite
29/09/2015 -   A bigger share, please?
29/09/2015 -   Passage to India
Totum Editora Revista PIB - 2009 © Todos os Direitos Reservados